Terceirão: como é viver o último ano escolar?

                                   
Pode não parecer, mas ao escrever esse post, eu to com uma saudadezinha enorme da minha sala – e faz só um mês! -. Esse post era pra sair quando eu ainda estava em aula, e sim, eu tinha escrito nessa época, mas por circunstancias da vida, só vai ser postado agora... mas vida que segue, né. A parte ruim desse ano, é dar adeus à ele, dar adeus aos amigos, colegas e até aos professores, dar adeus as bagunças, as risadas, confusões e até a maldita química, ah, e claro, adeus até as trocas de olhares com o crush no recreio – meu crush virou meu namorado, obrigada, Deus.
                                           

   Por muitos anos, o que eu mais queria era me livrar daquela escola, do maldito bullying que me acompanhou por muitos anos – assunto para outro post- , mal tinha amigos (as), era super tímida e desastrada. Muitas coisas daí não mudaram, mas por questão de aceitação, se tornaram mais fáceis de contornar. Com os anos você vai percebendo as mudanças em relação à tudo e isso se torna suportável. E isso foi o porquê de agora eu sentir saudades, as pessoas me aceitaram como eu era, o bullying foi diminuindo com os anos e eu criei amizades que eu quero levar por muito tempo. Mas, eu vim aqui falar e preparar quem ainda não terminou a vida escolar, porque essa dorzinha, ai... ela dói.
  Eu esperava muito pelo ano que passou, demais, e a minha antiga escola valoriza muito o último ano escolar, isso torna tudo muito irresistível. Pelo menos um dia no mês tinha a famosa sexta-feira temática, foca nas fotinhos aqui: 
                               
 Nesses dias, a gente aproveitava tudo o que a gente podia da escola, - pra descontar um pouco também todos aqueles anos, né!?. Tinha música, bagunça, dança e ao mesmo tempo o sentimento de “não acabou, mas já to com saudades”. Sem contar o Correio do amor – dia dos namorados-, festa junina, gincana – que depois de quatro anos lutando, conseguimos o primeiro lugar. UH ARREBENTA, EQUIPIMENTA
                                      

  Sem contar que o grande foco é a formatura... ahhhh, a formatura, a tão sonhada e linda formatura. Festa, viagem... qual vai ser? No meu caso, a minha turma não se entendeu com a outra e acabamos numa festinha de aniversário da minha amiga depois da colação, é, a vida tem dessas...
  Depois de mostrar a minha experiência,  eu queria terminar dizendo que sim, é um ano maravilhoso, com muita festa e muita bagunça, e sim, a gente tem que aproveitar cada minutinho desses momentos, porque infelizmente, eles acabam. Eu me arrependo de não ter aproveitado o máximo, mas tirando a parte boa, também é um ano de muita responsabilidade, então, galera, não deixem de estudar só porque é o último ano, porque é pesado pra caramba como todos os outros, principalmente quando entra em jogo teu futuro, não esqueçam do queridinho: ENEM, ele vai te ajudar bastante no futuro. Se divirtam e baguncem o máximo, mas não esqueçam de estudar – eu não gosto muito também, mas sem estudo, vou ser o que, né!?.
  E eu finalizo com essa mensagem do nosso livro do ano...♥

You Might Also Like

2 comentários

  1. Oi, tudo bem?
    Já passei por essa etapa em minha vida e vou uma experiencia maravilhosa, quando vi seu post e vi as fotos até me lembrei de vários amigos que sempre nos marcas.
    Adorei o post.
    olha tem uma pesquisa de publico lá no meu blog, sua opinião é muito importante, http://garotadelicada20.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Obrigada por quase me fazer chorar AUEHAUEA. Eu ia lendo e ia lembrando do meu terceirão.. Terminei o ano passado (nós duas, né? ahahah) e eu lembro que antes, eu queria que terminasse logo. Daí foi chegando no finalzinho e a ficha começou a cair.. Hoje, só resta saudade, até das brigas, ahahhaha também vou fazer um post mais ou menos assim, só estou esperando as fotos da formatura </3.
    Ah, lá na minha escola é o famoso "Trote", que é que uma vez por mês a gente vem fantasiado com a algum tema, tipo, teve a Troca de Sexo, que foi demais! Essas coisas.. Hahahah.

    Beijos, quebrarosilencio.blogspot.com

    ResponderExcluir